Facebook Twitter Google+ RSS Blog Gastrovia
BUSCA
Onde?
GUIA
Localidade
 
AGENDA - TURISMO
Biblioteca Nacional realiza grande exposição para celebrar as belezas do Rio de Janeiro
de 12/06/2012 a 05/08/2012

 

 

 

 

SALATHÉ, Friedrich. Plantação de café. Bâle: J. Steinmann, 1835. In: STEINMANN, Johann. Souvenirs de Rio de Janeiro. 1 gravura água-tinta color.; 11,2 x 16,5 cm em papel 22,2 x 28,7 cm.Iconografia-C.I.1.18(1)

DESTAQUE
Rio cidade-paisagem

A exposição é uma homenagem a Cidade Maravilhosa, sede de grandes eventos internacionais como a conferência Rio +20 e os Jogos Olímpicos 2016. Ela apresenta um eixo cronológico com cerca de 150 peças de gêneros distintos pertencentes ao acervo da Biblioteca Nacional. A Baía de Guanabara – que figura em algumas das mais antigas imagens da cidade – abre a exposição. Mapas históricos e plantas das fortalezas, projetos viários nunca realizados, antigos planos urbanísticos e impactantes vistas panorâmicas em gravura e fotografia estão entre os documentos originais que figuraram o módulo inicial. Em seguida, abordaremos a Floresta da Tijuca e seu entorno, com base em rica documentação manuscrita, e também o Parque Estadual da Pedra Branca e a Serra do Mendanha. O morro do Castelo e o seu desmonte compõem o terceiro módulo da mostra, juntamente com a abertura das avenidas e ruas no local. A região litorânea da Glória, Flamengo e Botafogo, que sofreu muitos aterros, também merecerá atenção na exposição. Na sequência, a zona norte da cidade e a região suburbana terão vez, através de plantas, gravuras, periódicos, partituras e fotografias. Destaque para a Penha, com sua igreja, que também faz parte da paisagem da baía de Guanabara. Finalizando, a exposição aborda a orla da zona sul e da zona oeste, evidenciando a praia de Copacabana, desde o período das primeiras iniciativas visando a sua integração à vida na cidade, até os dias atuais. Grandes reportagens, músicas e livros fotográficos estão entre os destaques desse módulo.
Espaço Cultural Eliseu Visconti (Rua México, s/nº - Centro – Rio de Janeiro – RJ), acesso pelos jardins da Biblioteca Nacional.
Terças a sextas, das 10h às 18h
Sábados, domingos e feriados, das 12h às 17h

Entrada franca.


EVENTOS

Lei das Biografias
Audiência com escritores e juristas para debater o projeto de lei que torna possível a redação de biografias de pessoas públicas sem autorização prévia. O encontro conta com a participação do presidente da Fundação Biblioteca Nacional, Galeno Amorim, dos deputados federais Alessandro Molon (PT-RJ) e Newton Lima (PT-SP), dos juristas Gustavo Binenbojm e Luís Roberto Barroso, do escritor Rui Castro e de representantes da Academia Brasileira de Letras. Dia 14/6, às 17h, na Biblioteca Nacional (Avenida Rio Branco, nº 219)

Bolsas BN/Funarte
Cerimônia de lançamento oficial das Bolsas de Criação e Circulação Literária - BN/Funarte. O evento contará com a presença do presidente da Fundação Biblioteca Nacional (FBN), Galeno Amorim, e o presidente da Funarte, Antonio Grassi. Dia 14/6, a partir das 19h, na sede da FBN – Avenida Rio Branco, nº 219, centro, Rio de Janeiro.

Os livros e a vida literária no Rio de Janeiro
O encontro debate “Bibliofilia e colecionismo no Rio de Janeiro, um depoimento”. A quinta mesa-redonda da série Os livros e a vida
literária no Rio de Janeiro contará com o expositor Cláudio Murilo
Leal (UFRJ) e os debatedores Gilberto Araújo (ABL) e Teresa Cristina
Meireles de Oliveira (UFRJ). Dia 18/6, às 16h, no Auditório Machado de Assis da Biblioteca Nacional (Rua México, s/nº - entrada pelos jardins).

Terças Culturais – Leituras musicais
O convidado da semana é o violonista Pedro Pedrassoli, mestre em Música e professor de violão da UFRJ, premiado em diversos concursos no Brasil e no exterior, incluindo o Concurso Internacional Villa-Lobos. Já se apresentou no Marrocos, no Japão, em Portugal, no Paraguai, e na Alemanha, onde gravou o CD “Villa-Lobos: Obra integral para violão solo”, apontado pela crítica como uma das melhores interpretações do maestro brasileiro. O encontro começa às 18h30 na Casa da Leitura (Rua Pereira da Silva, 86, Laranjeiras, Rio de Janeiro). A entrada é franca.

Próximas edições
19/06, às 19h: A Bíblia: um diário de leitura.
Convidado: Luís Paulo Horta
26/06, às 18h30: Sonhos do dia.
Convidada: Claudia Werneck

Biblioteca Fazendo História
Célia Cristina da Silva Tavares - autora de “Jesuítas e Inquisição:
cumplicidades e confrontações – e Eunícia Barros Barcelos Fernandes,
autora de “Franciscanos e jesuítas”, participam do Biblioteca Fazendo História do próximo dia 26. Em debate, o tema “Dossiê Jesuítas”. O evento começa a partir das 16h e tem entrada franca. No Auditório Machado de Assis (Rua México, s/nº - entrada pelos jardins).


MOSTRAS

Preservação e escolhas de Sofia: dilemas entre a vida e a morte física de livros raros
20 itens do acervo da Divisão de Obras Raras da Biblioteca Nacional reunidos em homenagem ao delicado mundo dos processos de restauração. Livros raros e fotos dos processos de seleção, restauro, conservação e guarda compõem a mostra. Entre os destaques, “La universale fabrica de mondo”, do geógrafo e teólogo italiano Giovanni Lorenzo d’Anania – título recuperado pela FBN. O evento acontece de 2ª a 6ª, de 10h às 18h, no 3º andar da sede da FBN (Avenida Rio Branco, 219 – Centro - Rio de Janeiro). Até 13 de julho.

A novela além do horário nobre: Fotonovelas no acervo da Biblioteca Nacional
Até junho, as principais fotonovelas editadas entre as décadas de 1940 e 1970 formam o conjunto de peças exposto. Revistas como Grande Hotel, Capricho, Sétimo Céu e Killing estão na mostra. No 2º andar da Biblioteca Nacional (Avenida Rio Branco, 219. Centro. Rio de Janeiro - RJ). De segunda a sexta, de 9h às 20h. Sábados, domingos e feriados de 12h às 17h. Entrada franca.

Ecos do Passado: a biodiversidade nos manuscritos da BN
20 peças do vasto acervo da instituição sobre a fauna e a flora brasileira ao alcance do público até 15 de maio. Obras de Freire Alemão, Frei Veloso e James Forbes estão entre os destaques. No 3º andar da Biblioteca Nacional (Avenida Rio Branco, 219. Centro. Rio de Janeiro - RJ). De segunda a sexta, de 10h às 17h. Até 15/6. Entrada franca.

 

Espaço Cultural Eliseu Visconti (Rua México, s/nº - Centro – Rio de Janeiro – RJ), acesso pelos jardins da Biblioteca Nacional.
Terças a sextas, das 10h às 18h
Sábados, domingos e feriados, das 12h às 17h
Entrada franca.

 

Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia!
Faça seu comentário:
Nome:
E-mail:
Código de segurança
Digite aqui o código de segurança mostrado na imagem abaixo.
CAPTCHA Image
Notícias relacionadas
 
 
 
Sobre o Gastrovia
Anuncie
  Sugestões
Parcerias
  Cadastre seu estabelecimento
Trabalhe conosco
  Não encontrou?
Contato
Home
Notícias
  Ebooks
Cozinha de A à Z
  Vídeos
Dicas
  Receitas
Cadastre-se
 
© 2019 Gastrovia Turismo e Gastronomia